quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Data-base 2017: setor público e privado têm reunião na sexta (18/8)



Na sexta-feira (18/8), às 15h30, tem reunião de negociação do setor privado e também do setor público (fundações, EGR, UERGS e ASCAR-EMATER/RS), pela data-base 2017.

O encontro será na sede do SESCON-RS (Rua Augusto Severo, 168, POA). Convidamos todos e todas a participar. A união faz a luta!

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Data-Base 2017: setor privado e público poderão negociar juntos


Durante a reunião de negociação do setor privado pela data-base 2017, realizada nesta quinta-feira (27/07), SEMAPI e SESCON acordaram que, como o governo do Estado não está querendo negociar, os dois sindicatos devem iniciar as tratativas sobre o tema.

Na reunião, o sindicato patronal deu retorno quanto às cláusulas sociais que foram aceitas, como: inserção das comissões no cálculo de férias e aviso prévio, validade do boletim de atendimento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) como atestado, anotação de alterações de função na carteira de trabalho e fornecimento, pela empresa, de Equipamentos de Proteção Individual (EPI). Também propuseram mudanças em cláusulas antigas, para se adequar à reforma trabalhista.

O SEMAPI concordou que deve haver alterações por conta da reforma, mas lembrou que a sua implementação vai ocorrer apenas em 11/11. Até lá, muita coisa pode mudar, visto que diversas instituições já viram inconstitucionalidade na lei. Representantes do SEMAPI pediram atenção especial quanto ao auxílio-creche, há anos solicitado – tema no qual nunca se consegue avançar, e também na liberação para fazer exames de mama e próstata, visto que são exames preventivos de um tipo de câncer bem recorrente.

Privado + Público

De acordo com o assessor jurídico do SESCON, o governo vem informando que ainda não tem uma posição sobre as negociações, sendo a Procuradoria Geral do Estado (PGE) responsável por definir este assunto, e que a sua posição parece ser a de não negociar com o intermédio do sindicato patronal. Para o SESCON, “o Estado está rasgando um acordo fechado há 25 anos”.

O SEMAPI ressaltou que não vai ficar refém das mazelas deste governo e que ainda espera uma posição oficial do Piratini, por escrito. Ficou acertado que, no dia 18 de agosto, às 15h30, SEMAPI e SESCON irão se reunir para negociar a data-base do setor privado e público (fundações, UERGS, EGR e ASCAR-EMATER/RS). Convocamos desde já toda a categoria. A união faz a luta!


quinta-feira, 13 de julho de 2017

Data-Base 2017: Negociação do Privado adiada


A próxima reunião de negociação do setor privado foi transferida para o dia 27 de julho, às 15h, na sede do SESCON-RS (Rua Augusto Severo, 168, Porto Alegre).

terça-feira, 11 de julho de 2017

Data-Base 2017: SEMAPI e SESCON conversam sobre negociações



Na tarde desta terça (11/07), o SEMAPI esteve no SESCON para tratar sobre o início da negociação coletiva do setor público. Diferentemente dos anos anteriores, o governo, através do Grupo de Assessoramento Especial (GAE), não esteve presente. No encontro, estavam apenas as diretorias do SEMAPI e do SESCON, ambas acompanhadas de seus representantes jurídicos. De todas as instituições convidadas, apenas três fundações e uma empresa atenderam ao convite do SESCON, no entanto, não participaram da reunião.

Segundo o sindicato patronal, até o momento o GAE não repassou as diretrizes das negociações para este ano, sendo que também há a possibilidade de o governo tentar negociar sem a participação do SESCON. O SEMAPI foi categórico em afirmar que espera o bom senso do governo em manter a legalidade e a normalidade das negociações, assim como tem ocorrido há mais de duas décadas. Cabe destacar que mudanças neste sentido são prejudiciais à categoria.


Da mesma forma, sete fundações e empresas já se manifestaram a favor da manutenção da negociação através do SESCON. Assim, os dois sindicatos irão aguardar posição do GAE até o dia 19/07, para definirem calendário de reuniões e outras ações que se fizerem necessárias a fim de agilizar as negociações e não prejudicar os trabalhadores.


terça-feira, 4 de julho de 2017

Data-Base 2017: Setor Privado apresenta pauta de reivindicações




Na tarde da segunda-feira (3/7), integrantes da diretoria do SEMAPI e representantes do setor privado estiveram reunidos no SESCON-RS, o sindicato que representa as empresas/patrões, para a apresentação da pauta com as cláusulas que serão reivindicadas na data-base deste ano. O texto foi aprovado em assembleia por trabalhadores e trabalhadoras, e contém 93 cláusulas, sendo 43 mantidas (sem alterações), 40 melhoradas (com modificações que beneficiam os funcionários), e dez cláusulas novas.

Entre os destaques do documento está o reajuste salarial, cujo percentual é relativo ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) integral do período, acrescido de 3% de ganho real. Estamos pleiteando os mesmos indicativos para as demais cláusulas com repercussão financeira. Também estamos reivindicando o triênio como substituto do quinquênio, com reajuste de 3% sobre o salário base a cada três anos de efetivo trabalho ininterrupto.

Entre as cláusulas sociais defendidas, está o abono assiduidade de cinco dias para até cinco faltas justificadas, auxílio-creche (há anos reivindicado), vale-cultura, licença paternidade de 20 dias, e liberação para funcionário poder fazer exame de próstata e mamografia. Agora, as empresas e o sindicato patronal irão analisar a pauta e darão retorno na próxima reunião, já agendada para o dia 20 de julho, às 15h30, na sede do SESCON (Rua Augusto Severo, 168 – POA). Participe! A união faz a luta!


segunda-feira, 3 de julho de 2017

Data-base 2017: informe para o Setor Público



Trabalhadores e trabalhadoras do Setor Público aprovaram, no dia 19 de abril, a pauta com as cláusulas que serão reivindicadas na data-base 2017. Seguindo as formalidades, o documento foi encaminhado para o governo do Estado para que fosse agendada a primeira reunião de negociação.


Mesmo com as cobranças sistemáticas do SEMAPI, o (des)governo parece estar mais preocupado em sucatear as instituições públicas gaúchas e, sem pressa, não dá nenhum indicativo sobre o início das negociações. Vamos continuar cobrando insistentemente uma data e, logo que a tivermos, iremos divulgar. Todas as notícias da data-base também podem ser acessadas na nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/Semapirs/. Confira!

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Data-base 2017: negociação do Setor Privado tem início



Está prevista para a próxima segunda-feira (3) a primeira reunião de negociação entre SEMAPI e SESCON, pela Data-base 2017. O encontro ocorre às 15h45, na sede da entidade patronal (Rua Augusto Severo, 168 – Porto Alegre).


A partir das 15h, haverá concentração dos trabalhadores em frente ao SESCON. Vamos começar pressionando os patrões para mostrar nossa força e garantir uma negociação favorável. Contamos com todos!

terça-feira, 9 de maio de 2017

Data-Base 2017: Serra gaúcha e Caxias definem pauta de reivindicações

No dia 25 de abril, o SEMAPI promoveu uma reunião com os trabalhadores e trabalhadoras de Caxias do Sul e Região para tratar das cláusulas que serão negociadas junto ao sindicato patronal na data-base 2017. A pauta será exatamente a mesma aprovada pelo restante do Estado no dia 11 de abril, em Porto Alegre.


Essa é uma reivindicação antiga do SEMAPI, que sempre quis estender os benefícios da negociação estadual para a serra gaúcha, mas o SESCON-RS nunca aceitou debater essa unidade. Agora, vamos solicitar a primeira reunião de negociação com o sindicato patronal para apresentar as demandas da categoria. Esperamos que os trabalhadores e trabalhadoras de Caxias e Serra participem dos encontros, para que consigamos reverter os retrocessos que, infelizmente, ainda permanecem à categoria da Região.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Data-Base 2017: setor público aprova pauta de reivindicações



Na noite da quarta-feira (19), às 19h30, servidores e servidoras do setor público se reuniram em assembleia para definir as cláusulas que serão reivindicadas na data-base 2017. Por unanimidade, a pauta de reivindicações foi aprovada pelos presentes.


Destacamos a importância da participação da categoria nas reuniões de negociação deste ano, pois os debates com o governo do Estado têm sido cada vez mais complicados. Precisaremos mostrar muita força para que se consiga avanços nesta negociação coletiva. Agora, vamos solicitar a primeira reunião com o SESCON e o governo para apresentar a pauta dos trabalhadores e trabalhadoras.


quarta-feira, 12 de abril de 2017

Data-Base 2017: Setor Privado aprova pauta de reivindicações

Trabalhadores e trabalhadoras do Setor Privado aprovaram a pauta com as cláusulas que serão reivindicadas nas reuniões de negociação da data-base deste ano. A assembleia ocorreu na noite da terça-feira (11), na sede do SEMAPI.



Entre os destaques da pauta está uma demanda antiga do sindicato, o auxílio-creche, que vem sendo debatido há anos e que os patrões nunca aceitam negociar. Além disso, serão pleiteados reajustes nos salários e nos vales, além de melhorias em cláusulas sociais.


Agora, o SEMAPI vai requerer junto ao sindicato patronal (SESCON-RS) uma reunião para começar a negociar. Esperamos que trabalhadores e trabalhadoras participem em grande número para que, assim, possamos mostrar força e conseguir melhorias efetivas nesta data-base.